segunda-feira, 6 de maio de 2019

Como saber se meu filho está com catapora?


A presença de febre, dor de cabeça, tosse, mal-estar e erupções na pele com manchas por todo o corpo são alguns dos sintomas iniciais da catapora.
***
A catapora, também conhecida pelo nome de varicela, é uma doença altamente contagiosa, causada pelo vírus varicela-zoster. O vírus é transmitido através do ar, quando o paciente tosse ou espirra, e com o contato com as erupções na pele do paciente. A catapora normalmente só se pega uma vez, portanto, se seu filho já pegou, ele provavelmente está imunizado contra o vírus. A maioria dos casos de catapora acontecem em menores de 12 anos. Quando uma criança, que nunca teve catapora, entra em contato próximo com um paciente com catapora, essa criança pode pegar catapora, apresentando os sintomas em torno de 2 semanas após a infecção. Por ser altamente contagiosa, a criança com catapora deve ser afastada da escola até os sintomas melhorarem, o que demora normalmente em torno de 1 semana. A catapora geralmente começa sem a erupção clássica, com febre, tosse, perda de apetite, sensação de mal-estar, sonolência, dor de cabeça, dor de garganta e dor de estômago. Esses sintomas podem durar alguns dias, com a intensidade da febre entre 38,3°C e 38,8°C. As erupções na pele surgem de 1 a 2 dias após os sintomas iniciais, sendo avermelhadas e apresentando coceira. Normalmente, as erupções começam na barriga, costas e rosto e, em seguida, espalha-se para quase todo o resto do corpo. As erupções começam como muitos pequenos inchaços vermelhos que se parecem com espinhas ou picadas de insetos. Esses inchaços aparecem ao longo de 2 a 4 dias e então se desenvolvem em bolhas de paredes finas cheias de líquido. As paredes das bolhas quebram, deixando feridas abertas, que finalmente se transformam em crostas secas e castanhas que podem deixar manchas na pele. Todos os três estágios da erupção (inchaços vermelhos, bolhas e crostas) estão presentes ao mesmo tempo, espalhados por diferentes regiões do corpo. Os sintomas da catapora são mais graves em lactantes, adultos, mulheres grávidas e pacientes com imunidade baixa. A erupção pode se espalhar mais ou ser mais grave em crianças que têm sistemas imunológicos fracos ou doenças da pele, como eczema. As lesões na pele do paciente podem levar à infecção por microrganismos. O diagnóstico de catapora é feito pelo médico observando as lesões na pele do paciente. Desde 2013, a vacina para catapora está inclusa no calendário de vacinação do SUS.

Referências: 
DynaMed [Internet]. Chickenpox. Informação atualizada em 25 de junho de 2018. Disponível em: http://psbe.ufrn.br/ Acesso em: 12 mar. 2019.

Autor do resumo: 
Gustavo José Miranda da Cunha

Revisores do resumo:
Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão, Gabriella Neves Cury

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!