quarta-feira, 20 de março de 2019

Qual é o tratamento para psoríase?


A psoríase pode ser tratada por meio da aplicação de pomada sobre as manchas, fototerapia (terapia por meio de luz), medicamentos ou injeções.
***
A psoríase é uma doença crônica (persistente) e, até o momento, não possui cura. O paciente deve frequentar o médico regularmente para verificar se a doença está sob controle. O objetivo do tratamento é aliviar os sintomas e reduzir as crises (manifestações da doença). O tratamento da psoríase depende da quantidade de pele que foi afetada, o quão grave são os sintomas (por exemplo, a presença de dor), a localização das manchas e as preferências do paciente. Existem diversos tratamentos para a psoríase que incluem o tratamento tópico (aplicação do remédio diretamente sobre a mancha), fototerapia (terapia por meio da exposição à luz ultravioleta) e tratamento sistêmico (remédios ingeridos ou injeções). Geralmente, a aplicação de medicamentos, em forma de cremes, pomadas, loções ou géis sobre as manchas na pele do paciente com psoríase costuma ser muito eficaz, sendo a primeira opção para tratar esta doença. Porém, quando o tratamento como cremes não é eficaz, o médico pode recorrer à fototerapia. A fototerapia é realizada por meio da exposição das machas do paciente a uma forte luz ultravioleta. Vale ressaltar que a fototerapia deve ser realizada com muito cuidado, uma vez que a exposição exagerada à luz ultravioleta pode piorar a psoríase. Quando a psoríase não é totalmente controlada pela fototerapia, pode-se recorrer ao tratamento sistêmico. O tratamento sistêmico inclui tomar medicamentos, como o metotrexato que também auxilia no tratamento de artrite psoriática, ou injeções. Além disso, algumas medidas podem ser tomadas pelo paciente para evitar e diminuir as manifestações da psoríase. Cuidados com a pele são muito importante. O paciente deve manter a pele sempre bem hidratada e limpa, por meio de loções e cremes de banhos com sais de Epsom (sais do Mar Morto), óleo de banho e farinha de aveia. Para a psoríase no couro cabeludo, o médico pode recomendar alguns xampus especiais. A luz solar, em boa quantidade, também pode ajudar na psoríase, porém, quando em excesso pode causar queimaduras solares que pioram o quadro do paciente. Uma boa saúde geral, sem vícios e estresses, é um fator protetor contra a manifestação da psoríase. Recomenda-se também que o paciente participe de grupos de apoio ou aconselhamento para ajudá-lo a perceber que não está sozinho ao lidar com a psoríase, podendo compartilhar ideias e experiências da vivência com a doença.

Referências: 
DynaMed [Internet]. Psoriasis. Informação atualizada em: 19 de novembro de 2018. Disponível em: http://psbe.ufrn.br/ Acesso em: 12 jan. 2019.

Autor do resumo: 
Gustavo José Miranda da Cunha

Revisores do resumo: 
Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão, Gabriella Neves Cury

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!