quarta-feira, 20 de março de 2019

Qual é o tratamento para pancreatite aguda?


A pancreatite aguda normalmente se resolve sozinha, mas, dependendo do caso, cuidados de suporte, medicamentos e cirurgias podem ser necessários.
***
A pancreatite aguda normalmente se resolve sozinha. Porém, em casos de vômitos frequentes e perda de apetite, cuidados de suporte são necessários. O paciente poderá ser internado na unidade de terapia intensiva (UTI) para ser alimentado ou receber nutrientes adequadamente. Além disso, pode ser necessário que o paciente receba oxigênio suplementar. Em casos mais graves ou que demorem para curar, o médico pode receitar uma dieta especial (baixar teor de gordura e alimentos líquidos) e receitar medicamentos para dor (caso o paciente sinta dor), antibióticos (somente se houver suspeita de infecção) e contra a náusea (para auxiliar na alimentação do paciente). Como alguns casos de pancreatite aguda são causados por medicamentos, é importante informar ao médico todos os medicamentos que o paciente faz uso, pois pode ser necessário que seja interrompido o seu uso. Algumas complicações podem ocorrer na pancreatite aguda, como sangramentos, infecções e dor descontrolada, sendo necessário recorrer a cirurgia. Pode haver também a formação de cistos (espécie de sacos cheio de líquidos no pâncreas) e pseudocistos (enzimas e material semi-sólido que se formam em espaços dentro do pâncreas), que podem causar dor, náusea, vômito ou infecção. O tratamento dos cistos e necroses (quando parte do órgão morre) é realizado através da retirada ou drenagem dos cistos e tecidos necrosados (mortos) por meio de uma cirurgia. O tratamento dos pseudocistos só é realizado quando ele é sintomático (por exemplo, ocorrência de dor, sangramentos e infecções) e é um tratamento endoscópico (procedimento cirúrgico). Para evitar uma reincidência da pancreatite aguda, aconselha-se evitar a ingestão de álcool, parar de fumar e manter um estilo de vida saudável (por meio da realização de uma dieta balanceada e exercícios físicos regulares).

Referências: 
DynaMed [Internet]. Acute pancreatitis. Informação atualizada em: 15 de novembro de 2018. Disponível em: http://psbe.ufrn.br/ Acesso em: 14 jan. 2019.

Autor do resumo: 
Gustavo José Miranda da Cunha

Revisores do resumo: 
Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão, Gabriella Neves Cury

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!