terça-feira, 31 de julho de 2018

O que é bronquiolite?

Bronquiolite é uma infecção no pulmão, sendo comum em bebês. Normalmente, os casos de bronquiolite ocorrem nos meses de inverno.

***
Bronquiolite é uma infecção pulmonar comum em bebês. Provoca inflamação e congestionamento em pequenas partes do pulmão. Normalmente, o maior número de casos de bronquiolite ocorre nos meses de inverno. A maioria das crianças melhora com cuidado em casa, depois de avaliadas por um médico. Apenas uma pequena parcela de crianças com bronquiolite requer internação hospitalar. A bronquiolite ocorre quando um vírus infecta os bronquíolos, que são as vias aéreas mais pequenas nos pulmões. A infecção deixa os bronquíolos inchados e inflamados, ocorrendo o acúmulo de muco (catarro) nas vias aéreas. A maioria dos casos de bronquiolite é causada pelo vírus sincicial respiratório, que é um vírus comum que infecta quase todas as crianças até os 2 anos de idade. Os surtos de infecção por esse vírus ocorrem anualmente, sempre no inverno. A bronquiolite também pode ser causada por outros vírus, incluindo aqueles que causam a gripe ou o resfriado comum. Os vírus que causam bronquiolite são facilmente transmitidos entre as pessoas. É possível contraí-los através de gotículas no ar quando alguém está doente e tosse, espirra ou fala, ou tocando objetos compartilhados (como utensílios, toalhas ou brinquedos) e depois tocando os olhos, o nariz ou a boca. Nos primeiros dias, os sinais e sintomas da bronquiolite são semelhantes aos de um resfriado: nariz escorrendo, peito cheio, tosse e febre. Depois disso, pode haver dificuldade respiratória ou chiado no peito durante uma semana ou mais. Muitos bebês apresentam uma infecção no ouvido. Os bebês com menos de 3 meses de idade correm maior risco de contrair bronquiolite porque seus pulmões e sistemas imunológicos não estão totalmente desenvolvidos. Outros fatores associados a maior risco de bronquiolite grave são: nascimento prematuro, uma doença pré-existente do coração ou do pulmão, o sistema imunológico deprimido, exposição ao cigarro, contato com várias crianças, compartilhar um  ambiente com muitas pessoas, ter irmãos que frequentam a escola ou creche. Se uma criança com bronquiolite apresenta dificuldade para comer ou beber, ou se sua respiração está rápida ou difícil, um médico deve ser consultado imediatamente. Isto é especialmente importante se o paciente tiver menos de 3 meses de idade ou tiver outros fatores de risco para bronquiolite grave. Complicações de bronquiolite grave podem incluir: lábios ou pele azulados (cianose), pausas na respiração (apneia), desidratação e respiração muito difícil ou ineficaz. Se esses sintomas ocorrerem, o paciente pode precisar de internação hospitalar.

Referência: Dynamed [Internet]. Bronchiolitis. Atualizada em fevereiro de 2017. Disponível em: http://psbe.ufrn.br/index.php . Acesso em: 25 de julho de 2017.

Autor do resumo: Claudio Vinicius de Assis Rondado
Revisores do resumo: Prof. Dr. Fabio Carmona, Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!