segunda-feira, 24 de abril de 2017

Crianças e adolescentes que dormem mal ficam obesos?


A diminuição da duração e da qualidade do sono, entre outros fatores, está associada com a obesidade em crianças e adolescentes.

***
A obesidade entre as crianças e adolescentes é reconhecida como um problema de saúde pública e está associada com diminuição da duração e da qualidade do sono. Estudos que examinaram a relação entre o sono e o peso corporal demonstraram que crianças que dormiam menos ou que tinham um sono de má qualidade tinham maior probabilidade de ter excesso de peso ou obesidade em comparação com outras crianças. Os mecanismos potenciais que ligam o sono e a obesidade podem incluir diminuição da atividade física e consumo de uma alimentação de baixa qualidade. Além disso, há estudos indicando que a duração e a qualidade do sono podem afetar o equilíbrio e o funcionamento do corpo. Uma pesquisa realizada, no Canadá, com estudantes com idade entre 10 e 11 anos, verificou que quase metade das crianças não tem uma quantidade adequada de sono por noite. Foi demonstrado que o sono adequado é importante para a regulação metabólica, o funcionamento cognitivo e psicológico e o desempenho escolar em crianças. Reconhecendo a importância do sono em crianças, atualmente, recomenda-se que as crianças com idade entre 5 e 12 anos durmam, em média, 10 a 11 horas por noite para um ótimo desenvolvimento físico e mental. Além disso, estudos indicam que crianças que vão para a cama muito tarde são mais propensas a ter um estilo de vida sedentário com níveis mais baixos de atividade física. O ronco e a sonolência diurna foram mais relatados entre crianças com sobrepeso ou obesidade. Estas associações não são surpreendentes, uma vez que ronco e sonolência diurna são sintomas comuns de apneia obstrutiva do sono, um distúrbio do sono que é mais prevalente entre crianças com sobrepeso ou obesas. Além do estado de peso, há associações entre o sono e fatores de estilo de vida, incluindo a qualidade da dieta e os níveis de atividade física.

Referência: PubMed via PICO [Internet]. KHAN, Mohammad KA et al. Are sleep duration and sleep quality associated with diet quality, physical activity, and body weight status? A population-based study of Canadian children. Can J Public Health, v. 106, n. 5, p. 277-282, 2015. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/26451988. Acesso em: 09 nov. 2016.

Autor do resumo: Claudio Vinicius de Assis Rondado
Revisores do resumo: Prof. Dr. Fabio Carmona, Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!