terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Qual é o tratamento para micose?


O tratamento para micose é feito com medicamento antifúngico em forma de pomada, creme ou comprimido, e manutenção da pele limpa e seca.

***
Antes de iniciar tratamento, é preciso descobrir qual tipo de fungo está causando a micose. Assim, o profissional de saúde raspará uma pequena quantidade da pele, unha ou cabelo, da parte afetada pelo fungo, e a enviará para análise em um laboratório. Tendo conhecimento do tipo de fungo será possível determinar qual o medicamento correto para tratar a micose. Em geral, o tratamento é feito com medicamentos de uso externo, como pomadas ou cremes. Mais raramente, pode ser necessário uso de comprimidos. O melhor é evitar que a micose apareça. Para se prevenir, deve-se manter a pele limpa e seca, já que os fungos se desenvolvem em ambientes quentes e úmidos. Além disso, se você fica muito tempo com sapatos fechados, procure expor os pés ao ar, sempre que possível, e troque as meias todos os dias, principalmente em dias muito quentes. Seque os pés com cuidado (especialmente entre os dedos) depois de usar um vestiário ou chuveiro público. Evite andar descalço em áreas públicas. Em dias quentes, utilize roupas leves para evitar o suor por longos períodos de tempo. O suor favorece o crescimento dos fungos. Roupas íntimas e toalhas não devem ser compartilhadas com outras pessoas. Fique atento para não tocar em áreas de perdas de pelos dos animais de estimação e peça para um veterinário investigar se estas áreas estão com alguma infecção fúngica. Em academias, utilize sua própria toalha. Em salões de beleza, verifique se os utensílios para fazer unhas foram esterilizados e não mergulhe pés e mãos em bacias de uso coletivo. Para o amolecimento de cutículas, opte por sacolas plásticas descartáveis.

Referências: Dynamed [Internet]. Tinea corporis. Informação atualizada em 3 de dezembro de 2014. Disponível em: http://psbe.ufrn.br/. Acesso em: 08 dez. 2016.

Autor do resumo: Enfa. Dra. Iara Cristina da Silva Pedro
Revisores do resumo: Prof. Dr. Fabio Carmona,  Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!