terça-feira, 20 de dezembro de 2016

O que é fibrose cística?


Fibrose cística é uma doença genética que faz as secreções, principalmente do pulmão e pâncreas, ficarem mais espessas do que o normal, facilitando infecções.

***
A fibrose cística, também conhecida como mucoviscidose, é uma doença genética hereditária, ou seja, que passa dos pais para os filhos, que afeta principalmente os pulmões e o pâncreas. Os sintomas geralmente se desenvolvem no primeiro ano de vida, mas podem não aparecer até a infância. Os principais sinais e sintomas são: tosse persistente com catarro; chiados no peito; infecções pulmonares repetidas;  falta de ar; dificuldade de respirar; mau funcionamento do pâncreas; dificuldade em absorver alimentos; e “suor salgado” devido a presença de grande quantidade de sal (cloreto de sódio). As secreções e mucos de pessoas com fibrose cística são mais espessas do que o normal e isso facilita o acúmulo de bactérias, gerando inflamações e infecções, como por exemplo, pneumonia e bronquite. Esse muco também pode bloquear o trato digestório e o pâncreas, o que impede que enzimas digestivas cheguem ao intestino. Isto dificulta a digestão e absorção dos alimentos, principalmente gorduras e vitaminas  A, D, E e K, resultando em desnutrição; crescimento deficiente; perda de peso; dificuldade para fazer cocô; inchaço na barriga; e cocô grande, com cheiro forte e gorduroso. Esta doença pode ser detectada, logo ao nascimento, pelo Teste do Pezinho.

Referência: Dynamed [Internet]. Cystic fibrosis. Informação atualizada em 19 outubro 2016. Disponível em: http://psbe.ufrn.br/. Acesso em: 12 dez. 2016.

Autor do resumo: Cristina Camargo Dalri
Revisor do resumo: Prof. Dr. Fabio Carmona, Enfa. Dra. Iara Cristina da Silva Pedro, Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!