sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Qual é o tratamento para a Doença de Crohn?


O tratamento da Doença de Crohn é feito com diferentes tipos de medicamentos, alterações na alimentação e, se necessário, cirurgia.

***
Não existe, atualmente, um tratamento definitivo para a doença de Crohn. Por isto, o objetivo do tratamento atual é reduzir as manifestações da doença e manter o paciente sem sintomas pelo maior tempo possível. Ele é feito com medicamentos de vários tipos, mudanças na alimentação e, em alguns casos, pode-se fazer cirurgia. O tratamento é iniciado quando a doença é descoberta para que, assim, ela possa ser controlada e não atrapalhe o desenvolvimento da criança. Os principais medicamentos utilizados para o tratamento da Doença de Crohn são anti-inflamatórios, imunomoduladores e antibióticos. Os anti-inflamatórios têm a função de reduzir a inflamação do intestino, que é o principal problema da doença. Alguns anti-inflamatórios, como os corticosteroides não devem ser usados por muito tempo, pois podem causar efeitos colaterais, como: ganho de peso, alterações na face, insônia, osteoporose, e podem fazer com que a pessoa tenha infecções com mais facilidade. Os imunomoduladores também diminuem a atividade do sistema de defesa do corpo, mas eles podem ser usados por mais tempo, mantendo o paciente sem apresentar sintomas. Os antibióticos são usados apenas em casos de infecção. Outra possibilidade para o tratamento é a cirurgia. Ela é indicada em algumas situações, como aquelas em que não há boa resposta ao tratamento com medicamentos, aquelas em que há perfuração do intestino, e aquelas em que existe risco de desenvolver câncer de cólon. A cirurgia pode melhorar bastante os sintomas e reduzir a dose dos medicamentos utilizados. O paciente com Doença de Crohn pode apresentar intolerância à lactose (o açúcar que faz parte do leite), deficiência das vitaminas C, D e B12 e deficiência de minerais. Por esse motivo, o médico pode receitar suplementos alimentares, dependendo do caso de cada paciente. Pacientes com a Doença de Crohn também podem precisar de acompanhamento com psicólogo ou psiquiatra. É importante então, que junto com o tratamento médico, a criança possa ter acompanhamento multiprofissional e apoio da família, diminuindo assim o impacto da doença em sua vida.

Referências: Dynamed [Internet] Crohn’s disease & ulcerative colitis: a guide for parents. Informação atualizada em 2016. Disponível em: http://psbe.ufrn.br/ Acesso em: 5 set. 2016.

Autor do resumo: Lenisa de Mello e Souza
Revisor do resumo: Prof. Dr. Fabio Carmona, Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!