quinta-feira, 10 de novembro de 2016

O que é síndrome do desconforto respiratório?


Síndrome do desconforto respiratório causa dificuldade respiratória e pode ocorrer nas primeiras 24 horas após o nascimento.

***
Síndrome do desconforto respiratório é uma doença respiratória que afeta os recém-nascidos. O distúrbio é mais comum em prematuros nascidos cerca de 6 semanas ou mais antes do período ideal de nascimento, que é de 40 semanas, em média. Na verdade, quase todas as crianças nascidas antes de 28 semanas de gestação desenvolvem síndrome do desconforto respiratório, porque seus pulmões não são capazes de produzir uma substância chamada de surfactante. O surfactante é um líquido que reveste o interior dos pulmões e ajuda a manter os pulmões abertos para que a respiração possa ocorrer. Sem surfactante em quantidade suficiente, ocorre o fechamento dos pulmões e o paciente precisa se esforçar cada vez mais para respirar. O paciente pode não ser capaz de respirar o suficiente para sustentar o funcionamento dos órgãos. A maioria dos pacientes que desenvolvem síndrome do desconforto respiratório mostra sinais de falta de ar, com ou sem cianose (coloração azulada da pele), nas primeiras 24 horas após o nascimento. Se não houver tratamento imediato, a falta de oxigênio pode causar danos no cérebro e em outros órgãos do paciente. A maioria dos recém-nascidos prematuros com síndrome do desconforto respiratório irá, mais tardiamente, apresentar algum grau de displasia broncopulmonar.

Referências: Dynamed[Internet]. Respiratory distress syndrome (RDS) of the newborn. Atualizada em maio de 2016. Disponível em: http://psbe.ufrn.br/ Acesso em: 09 de agosto de 2016.

Autor do resumo: Claudio Vinicius de Assis Rondado
Revisor do resumo: Prof. Dr. Fabio Carmona, Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!