terça-feira, 13 de setembro de 2016

Qual o tratamento para a estenose da valva pulmonar?


A estenose da valva pulmonar é tratada com medicamentos (diuréticos, antitrombóticos e antibióticos), cateterismo cardíaco, ou cirurgia.

***
O tratamento da estenose da valva pulmonar depende dos sintomas apresentados. Pode incluir medicamentos diuréticos (que auxiliam na perda de líquidos e diminuição da pressão arterial), antitrombóticos (que previnem a formação de coágulos de sangue que podem entupir os vasos sanguíneos) e antibióticos, que previnem a endocardite (infecção do coração). Em alguns casos, pode ser indicado o tratamento com cateterismo cardíaco. O cateterismo é um procedimento médico, no qual um tubo plástico fino chamado de cateter é inserido pelo braço ou pela virilha. O cateter é guiado até o coração através dos vasos sanguíneos. No caso do tratamento da estenose da valva pulmonar, quando o cateter chega ao coração, o médico enche um pequeno balão que fica no cateter. Este balão abre a valva pulmonar, aumentando o seu tamanho, e consequentemente, aumentando o fluxo de sangue para os pulmões. Após o procedimento, o médico retira o cateter do corpo do paciente e será necessário o acompanhamento com um cardiologista para verificar se o procedimento foi suficiente para corrigir o problema. Há casos em que é necessário fazer cirurgia cardíaca para aumentar a valva pulmonar ou até mesmo substituí-la por uma prótese.

Referência: Dynamed [Internet]. Pulmonic valve disease. Informação atualizada em 25 de janeiro de 2016. Disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br/index.php/o-ministerio/principal/periodicos. Acesso em: 15 ago. 2016.

Autor do resumo:  Iara Cristina da Silva Pedro
Revisor do resumo: Prof. Dr. Fabio Carmona, Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!