quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Qual é o tratamento para a síndrome de Sotos?


O tratamento para a síndrome de Sotos é sintomático, ou seja, busca aliviar os sintomas.  A maioria dos sintomas desaparece na puberdade.

***
Não existe, atualmente, um tratamento padrão para a síndrome de Sotos. O tratamento é principalmente sintomático, ou seja, tratam-se os sintomas. A síndrome de Sotos não é uma doença que traz risco de morte e os pacientes podem ter uma expectativa de vida normal. As anormalidades iniciais da síndrome de Sotos geralmente desaparecem conforme a criança vai crescendo nos primeiros anos de vida. Atrasos no desenvolvimento neurológico e motor podem melhorar quando o paciente atingir a idade escolar, e adultos com síndrome de Sotos tendem a estar dentro de uma faixa normal de inteligência. No entanto, problemas de coordenação (movimentação) podem persistir na vida adulta.

Referência: NINDS [Internet]. National Institute of Neurological Disorders and Stroke. Sotos syndrome Information Page. Atualizada em 30 de junho de 2015. Disponível em: http://www.ninds.nih.gov/disorders/sotos/sotos.htm  Acesso em: 15 de agosto de 2016.

Autor do resumo:  Claudio Vinicius de Assis Rondado
Revisor do resumo: Prof. Dr. Fabio Carmona, Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!