quarta-feira, 15 de junho de 2016

Qual é o tratamento para dengue?



O tratamento da dengue para pacientes com sintomas leves é feito com repouso, ingestão de líquidos, e medicamentos para dor e febre.

***
Ao apresentar sintomas da dengue, deve-se procurar atendimento médico para confirmar o diagnóstico. O tratamento para pacientes com sintomas leves de dengue é feito com repouso, hidratação adequada por via oral (bebendo grande quantidade de líquidos como água, água de coco, suco natural) e medicamentos para alívio da dor e da febre. Entretanto, medicamentos devem preferencialmente ser usados com prescrição médica, pois existem remédios que podem piorar os sintomas, principalmente, agravando os sangramentos. Medicamentos contendo ácido acetilsalicílico, como a aspirina, e medicamentos anti-inflamatórios devem ser evitados em casos de dengue. Deve-se acompanhar diariamente a evolução dos sintomas (verificar a temperatura, ingestão de líquidos, não ficar sem fazer xixi por mais de 6 horas, sangramentos e outros sinais de alerta) até 24 a 48 horas depois que a febre baixar. Em casos em que o paciente não consegue beber líquidos, ou estiver apresentando sinais de alerta ou de dengue grave, é necessária internação em hospital para receber soro pela veia, fazer transfusão de sangue em casos de sangramento intenso e acompanhar outros sinais e sintomas que o paciente possa apresentar. Pacientes que têm mais risco para apresentar sinais de alerta e de dengue grave são: mulheres grávidas, crianças, idosos, obesos, diabéticos e pessoas com doenças nos rins e com anemia crônica. A prevenção da dengue com vacina ainda não está disponível, mas já há várias vacinas em teste. Para proteção individual, pode-se cobrir a maior parte do corpo com roupas, usar repelente, aplicar inseticida nos ambientes, utilizar telas nas janelas e permanecer em ambientes com ar condicionado. Entretanto, a melhor prevenção é tentar não criar condições para o mosquito Aedes aegypti se reproduzir. Isso pode ser feito ao eliminar criadouros: não deixar água parada em recipientes como pneus, vasos de plantas, garrafas, entre outros; manter caixas d’água limpas e tampadas, bem como piscinas; e não jogar lixo em terrenos baldios.

Referência: Dynamed [Internet]. Dengue. Informação atualizada em 08 maio 2016. Disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br/index.php/o-ministerio/principal/periodicos. Acesso em: 13 de maio de 2016.

Autor do resumo: Iara Cristina da Silva Pedro
Revisor do resumo: Prof. Dr. Fabio Carmona, Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão

Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!