terça-feira, 5 de abril de 2016

Qual é o tratamento da artrite idiopática juvenil?



O tratamento da artrite idiopática juvenil é feito com medicamentos anti-inflamatórios ou imunossupressores, fisioterapia e terapia psicológica.

***
A artrite idiopática juvenil pode se manifestar de maneiras diferentes. Portanto, o tratamento mais adequado pode variar de acordo com os sintomas apresentados por cada paciente. Em linhas gerais, pode-se dizer que os objetivos do tratamento da artrite juvenil são: controlar a dor, evitar deformidades, promover o crescimento adequado do paciente e o seu bem-estar. É importante que o início do tratamento seja rápido. Caso o tratamento seja iniciado tardiamente, pode haver limitações físicas irreversíveis. Quando o tratamento é realizado corretamente, a doença pode ser controlada, geralmente até o final da adolescência. No entanto, alguns pacientes podem apresentar doença persistente, com períodos de melhora e piora, até a vida adulta. Geralmente, o tratamento da artrite começa com medicamentos anti-inflamatórios, que auxiliam no alívio da dor e da inflamação. Entretanto, o uso destes medicamentos por longos períodos de tempo pode causar problemas em diversos órgãos. Assim, é fundamental que esses pacientes façam acompanhamento para prevenir as complicações. As injeções de medicamentos (corticosteroides) dentro das articulações também são boas opções de tratamento, principalmente quando o paciente tem poucas articulações comprometidas pela artrite. Os medicamentos imunossupressores podem ser usados se a inflamação persistir mesmo com o uso dos anti-inflamatórios. Porém, trata-se de medicamentos que custam muito caro, o que dificulta o tratamento. É importante acrescentar que a reabilitação (fisioterapia), já nas fases iniciais da doença, é fundamental para o sucesso do tratamento e para a prevenção das complicações da doença. O acompanhamento psicológico também pode facilitar o dia-a-dia do paciente com artrite e sua adesão ao tratamento.

Referência: Sociedade Brasileira de Reumatologia. Artrite idiopatica juvenil: cartilha para pacientes. São Paulo: SBR, 2011. Disponível em: http://www.reumatologia.com.br/PDFs/Cartilha%20Artrite%20Idiop%C3%A1tica%20Juvenil.pdf. Acesso em: 22 mar. 2016.
Dynamed [Internet]. Juvenile idiopathic arthritis. Informação atualizada em 16 set. 2015. Disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br/index.php/o-ministerio/principal/periodicos. Acesso em: 1 fev. 2016.

Autor do resumo: Larissa Oliveira Almeida
Revisor do resumo: Profa. Dra. Maria Cristiane Barbosa Galvão, Prof. Dr. Fabio Carmona


Você achou esta informação útil? Clique AQUI para dar a sua opinião!